quinta-feira, 20 de agosto de 2015

OS NEGÓCIOS DA EDUCAÇÃO


Coligação PSD/CDS defende expansão dos apoios aos colégios


Assim, fica mais claro de entender quando Nuno Crato afirma que a educação está melhor.
É uma questão de perspectiva e a do Ministro é clara.
Em muitas circunstâncias os contratos de associação serão definidos em comunidades cujas escolas públicas possuem capacidade de resposta para os alunos apesar dos esforços do MEC para lhes retirar recursos, docentes e funcionários.
Com o novo Estatuto do Ensino Particular e Cooperativo já nem a desculpa da inexistência de resposta pública é exigida para que sejam subsidiados estabelecimentos privados em nome da designada "liberdade de escolha" que mais não é que apoios públicos a entidades privadas.
São assim os negócios da educação.

1 comentário:

Anónimo disse...

https://www.facebook.com/photo.php?v=416442875132465